Trump chega a Londres para iniciar visita oficial

No primeiro dia da visita, Trump e Melania vão jantar com primeira-ministra britânica, Theresa May, e com um grupo de empresários

Londres – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, chegou nesta quinta-feira a Londres procedente de Bruxelas, na Bélgica, para iniciar sua primeira visita oficial ao Reino Unido.

O avião presidencial Air Force One aterrissou às 13h51 locais (9h51 em Brasília) no aeroporto de Stansted, ao norte da capital britânica. De lá, Trump e sua esposa Melania se dirigirão a Winfield House, a residência oficial do embaixador dos Estados Unidos no Reino Unido, Woody Johnson.

Esta noite, Trump e Melania jantarão com a primeira-ministra, a conservadora Theresa May, e com um grupo de empresários na mansão campestre de Blenheim, onde nasceu o ex-primeiro-ministro britânico Winston Churchill, uma figura muita admirada pelo presidente dos EUA.

Na sexta-feira, depois de reunir-se com May na residência de Chequers e com a rainha Elizabeth II no castelo de Windsor, o presidente americano e sua mulher viajarão à Escócia para uma visita privada, na qual espera-se que compareçam aos empreendimentos de golfe que Trump tem na região.

A chegada do presidente americano ao Reino Unido gerou um nível de mobilização sem precedentes no país desde os protestos contra a guerra do Iraque em 2003.

Por isso, os principais eventos durante a visita acontecerão fora de Londres, com o objetivo de evitar o máximo possível os numerosos protestos programados contra o presidente americano.

A maior manifestação acontecerá amanhã com uma marcha pelas principais vias da capital britânica com o lema “Stop Trump March” (“Marcha para deter Trump”, em tradução livre).

Os manifestantes foram convocados para amanhã às 14h locais (10h em Brasília) em frente aos estúdios da emissora britânica “BBC” para marcharem pelas ruas de Oxford e Regent Street até a famosa Trafalgar Square em Londres.

No domingo, o casal Trump viajará à Finlândia, onde em 16 de julho o presidente se reunirá com o chefe de Estado da Rússia, Vladimir Putin.