Tropa síria fecha cerco a mais uma cidade em Ghouta Oriental

Os soldados conseguiram isolar totalmente Harasta e Duma, cidades vizinhas, e controlam cerca de 60% do território de Ghouta, principal reduto da oposição

Cairo – Tropas leais ao presidente da Síria, Bashar al Assad, conseguiram isolar nesta segunda-feira a cidade de Harasta, uma importante cidade do reduto rebelde de Ghouta Oriental.

De acordo com informações do Observatório Sírio de Direitos Humanos, as tropas governamentais conseguiram isolar totalmente Harasta e Duma, cidades vizinhas, e controlam cerca de 60% do território de Ghouta Oriental, principal reduto da oposição nos arredores de Damasco, a capital do país.

Na parte sul de Ghouta Oriental, os rebeldes ainda mantêm o controle de oito cidades, além do bairro de Yobar, em Damasco.

Os combates começaram por volta da meia-noite. Soldados leais ao presidente sírio entraram em confronto com membros dos grupos islamitas Legião da Misericórdia e Exército do Islã.

Desde o começo da escalada da violência na região em fevereiro, 1.144 civis morreram, de acordo com o Observatório Sírio, e mais de 4.400 pessoas ficaram feridas por causa dos confrontos.

A ONG ressaltou que a situação dos feridos é preocupante devido à precariedade das instalações médicas na região, afetadas pelos contínuos bombardeios e pelo assédio das tropas governamentais.