Três pessoas morrem e uma fica ferida em tiroteio em cidade holandesa

Jornal local Telegraaf, citando fontes envolvidas na investigação, disse que um policial disparou contra familiares e depois contra si mesmo

Amsterdã – Três pessoas morreram e uma quarta ficou gravemente ferida em um tiroteio em uma casa na cidade holandesa de Dordrecht nesta segunda-feira, 9, informou a polícia.

Um policial holandês matou seus dois filhos a tiros e em seguida se suicidou em sua casa. O oficial de 34 anos também atirou em sua esposa, de 28 anos, e a feriu gravemente, disse a porta-voz da polícia Miriam Slot. As crianças tinham oito e 12 anos, acrescentou ela.

“Três pessoas foram mortas no incidente do tiroteio em Heimerstein (bairro) de Dordrecht. Uma pessoa ficou gravemente ferida”, disse a polícia no Twitter.

Os policiais não puderam ser contatados imediatamente para fornecer detalhes adicionais. Equipes de resposta a emergências estavam no local e uma casa no bairro havia sido isolada.

O prefeito de Dordrecht, Wouter Kolff, disse no Twitter que houve “um incidente muito sério envolvendo tiros” e que ele estava indo para o local.