Três mortos em acampamentos do movimento ‘Ocupe’ nos EUA

Dois corpos foram encontrados com marcas de tiros, mas polícia ainda não esclareceu nenhum dos casos

Nova York – Duas pessoas morreram com marcas de tiros em acampamentos inspirados no movimento ‘Ocupe Wall Street‘ em Vermont (nordeste dos EUA) e Califórnia (oeste) e uma terceira faleceu por razões desconhecidas em Nova Orleans (sul), segundo a imprensa local.

Em Burlington, Vermont, um homem foi encontrado morto com um tiro na quinta-feira em sua barraca, no que de acordo com o jornal Burlington Free Press se tratou de um suicídio.

Em um vídeo, a polícia aparece tirando o corpo da barraca, montada em um parque ocupado pelos manifestantes anticapitalistas.

Houve tensão quando a polícia mandou que os ativistas deixassem o local para que pudesse investigar o fato.

Em Oakland, Califórnia, meios de comunicação citaram o chefe da polícia, Howard Jordan, ao noticiar que um homem tinha sido baleado na quinta-feira, perto do acampamento do ‘Ocupem’, embora não tenha ficado claro qual era a sua relação com o protesto.

O site http://www.occupyoakland.org se limitou a confirmar a morte, informando que “um homem foi baleado e morreu”, sem dar maiores detalhes.

Na terça-feira, outro homem foi encontrado morto em sua barraca no ‘Ocupem’ de Nova Orleans, em frente à prefeitura da cidade, segundo o site do movimento na internet.

A mídia local noticiou que a pessoa, de 53 anos, não demonstrava sinais de traumatismo e estaria morta há dois dias no local até ser encontrada.