Trens de alta velocidade voltam a circular parcialmente em Barcelona

Os agentes de segurança entraram em vários comboios de trens que não tinham sido desalojados

Barcelona – A circulação dos trens de alta velocidade na estação de Sants, em Barcelona, foi restabelecida parcialmente depois que a polícia da região de Catalunha evacuou o local nesta quarta-feira ao detectar um objeto suspeito em uma mala.

Por volta das 9h local (6h, em Brasília), a circulação só estava interrompida em duas das seis vias inicialmente afetadas.

Segundo informou a companhia ferroviária Renfe, as unidades que deixaram a estação circulam fora do horário habitual e acumulam atrasos de cerca de 30 minutos.

Os agentes tinham desalojado previamente dois trens da AVE na estação de Sants, em Barcelona, após detectar dentro de uma mala um objeto suspeito, com forma de bomba, e reivindicaram a presença das equipes de desativação de explosivos.

Além disso, os agentes também entraram em outros comboios de trens que não tinham sido desalojados e fizeram um percurso pelos vagões.

Segundo a polícia, por volta das 7h local (5h, em Braslília) funcionários que fazem a segurança da estação tinham identificado um objeto com forma de possível bomba dentro de uma mala.

Os trabalhos das equipes de segurança desdobradas na estação causou longas filas de passageiros nos controles de acesso às plataformas de estação dos trens de alta velocidade.

Enquanto isso, a polícia desalojou a estação madrilenha de Atocha, informaram fontes da companhia gerente Adif.