Terremoto em Papua deixa feridos e 200 casas danificadas

A Agência de Prevenção de Desastres indonésia aponta em comunicado que o número de vítimas poderia aumentar

Bangcoc – Pelo menos 62 pessoas ficaram feridas e cerca de 200 casas sofreram danos em consequência de um terremoto de 6,6 graus de magnitude na escala Richter registrado na província indonésia de Papua, informam nesta sexta-feira fontes oficiais.

A Agência de Prevenção de Desastres indonésia aponta em comunicado que o número de vítimas poderia aumentar.

Entre os afetados, 17 têm ferimentos graves e 45 lesões menores, disse Sutopo Purwo Nugrono, porta-voz da agência.

O tremor aconteceu na noite de ontem a 24 quilômetros de profundidade e 28 quilômetros ao norte da cidade de Sorong, segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, que vigia a atividade sísmica no mundo todo.

A ilha de Papua-Nova Guiné, cuja metade oriental pertence à Indonésia, se assenta sobre o “Anel de Fogo do Pacífico”, uma região de grande atividade sísmica e vulcânica que é sacudida ao ano por cerca de 7.000 tremores, a maioria moderados.