Terremoto de magnitude 5,5 atinge sul das Filipinas

A região também é atingida por uma média de 20 tufões por ano, trazendo fortes chuvas que provocam deslizamentos mortais

Um terremoto de magnitude 5,5 atingiu o norte de Mindanao, no sul das Filipinas, no começo do sábado, ferindo 25 pessoas e causando danos a várias casas, edifícios e infraestrutura, disseram autoridades filipinas.

O Instituto Filipino de Vulcanologia e Sismologia disse que o terremoto, que inicialmente foi relatado como sendo de magnitude 5,8 pelo United States Geological Survey (USGS), ocorreu às 4h42, horário local, e seu epicentro foi situado em Carrascal, na área Surigao Del Sur.

Não houve nenhum alerta de tsunami no Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico, localizado no Havaí, imediatamente após o terremoto.

Funcionários no desastre filipino disseram que 25 pessoas sofreram ferimentos leves e foram tratadas em um hospital na cidade de Madri.

O tremor causou o colapso do teto de uma igreja e danificou um pouco várias casas, um prédio do governo e um mercado público, segundo autoridades do desastre. Rachaduras também apareceram em uma ponte, mas permaneceram transitáveis.

As Filipinas são propensas a desastres naturais decorrentes de sua localização no sismicamente ativo “Anel de Fogo” do Pacífico, uma faixa de vulcões em forma de ferradura e linhas de falhas que circundam as margens do Oceano Pacífico.

A região também é atingida por uma média de 20 tufões por ano, trazendo fortes chuvas que provocam deslizamentos mortais.