Terremoto de 5,6 graus atinge nordeste da Colômbia

Epicentro está situado em uma região de falha geológica na qual diariamente ocorrem tremores, a maior parte somente perceptível por instrumentos

Bogotá – Um terremoto de 5,6 graus na escala aberta de Richter atingiu nesta sexta-feira várias regiões do nordeste da Colômbia e foi sentido também em partes da Venezuela, sem registro até o momento de danos estruturais, conforme informaram as autoridades sismológicas em Bogotá.

A Rede Sismológica Nacional da Colômbia (RSNC) detalhou em comunicado que o movimento ocorreu às 8h43 no horário local (11h43 de Brasília) a 3,3 quilômetros ao sudeste da localidade de Los Santos, no departamento de Santander, e a 146,5 quilômetros de profundidade.

Além desse departamento e do vizinho Norte de Santander, incluídas suas capitais, Bucaramanga e Cúcuta, respectivamente, o tremor se sentiu em Bogotá e Manizales, a capital da região de Caldas, no noroeste do país.

A subdiretora do Serviço Geológico Colombiano (SGC, ao qual pertence RSNC), Marta Calvache, disse aos jornalistas que o tremor na fronteira oeste da Venezuela com a Colômbia.

O especialista lembrou que o epicentro está situado em uma região de falha geológica na qual diariamente ocorrem tremores, a maior parte somente perceptível por instrumentos.

A União Nacional para a Gestão do Risco (UNGR), ligada à Presidência da República, informou que o movimento não fez vítimas ou causou danos, mesmo assim de forma preventiva removeram todos os alunos da escola rural do Hobo, paragem em Molagavita, povoado de Santander, disse à agência Efe por telefone a porta-voz da UNGR, Sandra Calvo.

‘A estrutura da construção está frágil há alguns meses, mas não foi abalado pelo tremor’, explicou a porta-voz, e assinalou que na instituição estudam 47 crianças.