Terremoto atinge região da fronteira entre Irã e Iraque

Segundo a mídia estatal, o tremor causou pânico em Bagdá e na região central do Iraque

Bagdá / Ancara – Um terremoto atingiu a região da fronteira entre Irã e Iraque nesta quinta-feira por volta das 4h (horário de Brasília), causando pânico em Bagdá e na região central do Iraque, de acordo com moradores e a mídia estatal.

O tremor atingiu a província iraniana de Kermanshah, onde um terremoto matou 620 pessoas em novembro, relatou a TV estatal iraniana, acrescentando que equipes de resgate foram enviadas à região.

“O tremor atingiu a cidade de Sumar, que fica localizada entre as províncias de Ilam e Kermanshah. Até agora, mortes ou ferimentos não foram relatados”, disse uma autoridade local à TV iraniana.

Tremores secundários continuaram a ser sentidos na região central do Iraque uma hora após o tremor inicial, fazendo com que moradores deixassem prédios com pressa.

A TV estatal iraquiana informou que não há relatos de danos significativos ou mortes em Bagdá ou nas províncias centrais de Wasit e Diyala, onde o tremor também foi sentido. A eletricidade e serviços de comunicação não foram interrompidos na capital iraquiana.

O tremor teve magnitude de 5,5, de acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos.