Temporal deixa 400 mil pessoas sem luz no Chile

O Escritório Nacional de Emergência afirmou que La Araucanía, Biobío, Los Lagos e Los Ríos foram as regiões mais afetadas pelas fortes chuvas e ventos

Santiago do Chile – O temporal de vento e chuva que afetou quatro regiões no sul do Chile nas últimas horas deixou cerca de 400.000 pessoas sem energia, informaram nesta segunda-feira fontes oficiais.

O Escritório Nacional de Emergência (Onemi) afirmou em um relatório divulgado hoje que La Araucanía, Biobío, Los Lagos e Los Ríos foram as regiões mais afetadas pelas fortes chuvas e ventos de até 80 quilômetros por hora.

A inclemência do tempo provocou a inundação de centenas de ruas, o aumento do nível dos rios e deixou várias casas com danos estruturais.

Segundo o organismo estatal, o corte do fornecimento elétrico se deveu à queda de várias árvores sobre o tecido elétrico.

La Araucanía é até agora a região onde pelo menos 120.000 pessoas se encontram sem energia, razão pela qual as autoridades declararam alerta amarelo.

A chuva fez subir “perigosamente” o nível do rio Curanilahue – onde há dois meses a cidade do mesmo nome ficou com mais de mil moradias danificadas pelos temporais – o que levou o Onemi a declarar alerta vermelho, mas nas últimas horas este diminuiu.