Tempestades de inverno atingem EUA e deixam 6 mortos

A nevasca chamada "Eboni" afeta grandes áreas do país, da região central ao sudoeste

Ao menos seis pessoas morreram devido ao severo clima que atinge os Estados Unidos, onde tempestades de neve afetam o transporte aéreo e terrestre durante o período de festas de final de ano.

A nevasca chamada “Eboni” afeta grandes áreas do país, da região central ao sudoeste. Em paralelo, o sudeste enfrenta um risco de inundação devido às fortes chuvas que devem durar até segunda-feira.

Três novas mortes foram anunciadas no sábado, elevando o número de mortes relacionadas a esses fenômenos para seis.

Mais de 1.300 voos foram cancelados e 12.200 atrasaram desde quinta-feira.

A grande tormenta de inverno cobriu as planícies do Centro-Norte e do Meio Oeste, trazendo entre 20 e 30 centímetros de neve.

As previsões apontam para mais neve nos próximos dias no Novo México (sudoeste), e alertam para muita chuva em alguns estados do Sul e do Leste, após o clima arruinar as viagens de final de ano de milhares de americanos.

O serviço meteorológico prevê que o clima continue ruim durante o final de semana em todo o país.

Alguns passageiros ficaram retidos durante dias sem poder viajar.

“Não queria passar três dias no aeroporto perdendo o feriadão de final de ano”, disse Anthony Scott ao canal de TV do Texas KDFW no Aeroporto Internacional de Dallas-Fort Worth.

“Tenho que voltar a trabalhar no início do ano (…). Estas foram minhas pequenas férias e estou passando no aeroporto”.