Tempestade no nordeste dos EUA provoca enchentes

Mais de um milhão de casas e empresas ficaram sem energia no nordeste e no meio-oeste

Boston – A água do mar invadiu algumas ruas litorâneas da cidade norte-americana de Boston, onde pontos comerciais foram cercados de barreiras contra enchentes e sacos de areia, e ondas golpearam a costa de Massachusetts quando uma tempestade com ventos intensos atingiu a costa leste dos Estados Unidos do Maine até a Virgínia.

Mais de um milhão de casas e empresas ficaram sem energia no nordeste e no meio-oeste, mais de 2.600 voos dos EUA foram cancelados e a torre de controle do Aeroporto Internacional Dulles, nos arredores de Washington, foi esvaziada momentaneamente devido aos ventos perigosamente fortes.

A primeira enchente costeira ocorreu em um momento de maré muito alta, pouco depois das 11h de Boston, a segunda vez neste ano em que partes da cidade foram alagadas.

“É uma loucura. Imagino que seja a elevação dos mares em ação”, disse Bob Flynn, de 38 anos, que saiu do trabalho no Museu Infantil de Boston para observar a passarela parcialmente submersa ao longo do Canal Fort Point.

Autoridades alertaram que os ventos fortes vindos do oceano podem manter as águas elevadas e representar um risco ainda maior de enchentes nas próximas duas marés altas, previstas para a meia-noite e o meio-dia locais.

Elas pediram aos moradores dos subúrbios litorâneos de Boston que deixem suas casas durante os alagamentos matinais a não voltem até a tempestade ter passado.

Rajadas de vento de quase 113 quilômetros por hora contribuíram para as enchentes empurrando a água terra adentro e para os blecautes amplos derrubando árvores e linhas de transmissão.

“Os ventos continuarão a aumentar e os mares continuarão a subir vez mais nos próximos três ciclos de maré alta”, disse Bill Simpson, meteorologista do Serviço Nacional do Clima em Taunton, Massachusetts.

Os ventos também dificultaram os transportes. O aeroporto de LaGuardia, em Nova York, suspendeu todas as chegadas e partidas por causa dos ventos intensos na tarde desta sexta-feira. Mais de um quarto dos voos de e para os dois outros maiores aeroportos nova-iorquinos e o aeroporto de Boston foram cancelados, de acordo com o site de monitoramento Flightaware.com. A operadora de trens Amtrak suspendeu o serviço entre Nova York, Boston e Washington.