Taiwan agradece apoio de senadores americanos a favor de sua diplomacia

Quatro senadores americanos querem aprovar um projeto que penalize os países que romperem os laços com Taiwan

Taipé – Taiwan agradeceu nesta quinta-feira o apoio “de longa data” de quatro senadores americanos, que apresentaram um projeto de lei para ajudar o território a manter seus 17 aliados diplomáticos, após a perda de cinco deles nos últimos dois anos e meio.

O porta-voz diplomático taiwanês, Andrew Lee, expressou o agradecimento em entrevista coletiva ao comentar a Iniciativa de Proteção e Melhoria das Alianças de Taiwan (Taipei, na sigla em inglês), apresentada pelos senadores Cory Gardner, Ed Markey, Marco Rubio e Bob Menéndez.

A iniciativa busca fortalecer a posição internacional de Taiwan e responder à rede de rupturas com ele sob a pressão da China, declarou a senadora Cory Gardner em comunicado.

“A Lei Taipei requer uma estratégia dos Estados Unidos em relação aos governos de todo o mundo para apoiar o reconhecimento diplomático de Taiwan e fortalecer os vínculos não oficiais com Taiwan”, explicou Gardner.

A lei pede que o Governo dos EUA penalize quem romper os laços com Taiwan e incentiva os que os mantenham, incluindo medidas como interromper o financiamento militar para os governos que tomam medidas adversas a respeito de Taiwan.

Os senadores consideram que a China está intimidando Taiwan e cercando-o diplomaticamente e que os EUA não podem ficar com os braços cruzados em relação à penosa situação de um amigo.