Suu Kyi recebe prêmio da AI na sua visita à Irlanda

A líder também participará de um show em presença do cantor Bono no país europeu

Dublin – A líder opositora birmanesa Aung San Suu Kyi inicia nesta segunda-feira uma visita à República da Irlanda, onde receberá o prêmio Embaixador da Consciência da Anistia Internacional (AI) e participará de um show em presença do cantor Bono.

Suu Kyi permanecerá seis horas na Irlanda antes de viajar para Londres para continuar sua viagem europeia, a primeira que faz desde 1988 após permanecer anos sob prisão domiciliar em seu país.

Esta tarde haverá em Dublin um concerto em sua honra, no qual também participará o músico Bob Geldof, quando será entregue a ela o prêmio por sua defesa dos direitos humanos.

O secretário-geral da AI, Salil Shetty, disse que sua organização está imensamente honrada de dar as boas-vindas a Suu Kyi na capital da República da Irlanda.

Está previsto que a líder opositora birmanesa chegue ao aeroporto de Dublin por volta das 14h (horário local, 11h de Brasília), quando será recebida pelo ministro de Relações Exteriores irlandês, Eamon Gilmore.

Após sua passagem pela Irlanda, Suu Kyi visitará durante quatro dias o Reino Unido, país onde viveu, estudou e se casou antes de voltar a Mianmar.