Suíça aprova extradição do ex-presidente da Conmebol

O dirigente está preso no país europeu desde o fim de maio, quando foi realizada uma operação durante o Congresso da federação internacional

Genebra – O governo suíço autorizou nesta quinta-feira a extradição do uruguaio Eugenio Figueredo, ex-vice-presidente da Fifa e ex-presidente da Conmebol, para os Estados Unidos.

O dirigente está preso no país europeu desde o fim de maio, quando foi realizada uma operação durante o Congresso da federação internacional, que elegeria o novo presidente da entidade. Junto com o uruguaio, também foi detido o ex-presidente da CBF, José Maria Marin.

Eugenio Figueredo poderá apelar desta decisão perante o Tribunal Penal Federal da Suíça durante um prazo de 30 dias.