Síria diz que terroristas atacarão Europa com armas químicas

Vice-chanceler disse ue Estados Unidos, Grã-Bretanha e França ajudaram "terroristas" a usar armas químicas na Síria

Damasco – O vice-chanceler sírio, Faisal Maqdad, disse nesta quarta-feira que Estados Unidos, Grã-Bretanha e França ajudaram “terroristas” a usar armas químicas na Síria, e que os mesmos grupos vão em breve atacar a Europa com essas armas.

Falando a repórteres do lado de fora do hotel Four Seasons em Damasco, Maqdad disse que apresentou provas aos inspetores de armas químicas da ONU de que “grupos terroristas armados” usaram gás sarin em todos os locais dos supostos ataques.

“Nós repetimos que grupos terroristas são aqueles que usaram (armas químicas) com a ajuda dos Estados Unidos, Reino Unido e França, e isso tem que parar”, disse.

“Isso significa que essas armas químicas serão usadas em breve pelos mesmos grupos contra o povo da Europa”, acrescentou.