Singapura deve sediar histórica reunião entre Kim e Trump, diz jornal

O presidente dos EUA anunciou na sexta-feira que a data e o local do encontro estavam definidos e seriam anunciados em breve

A reunião de cúpula histórica entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-Un, deverá acontecer em meados de junho, em Singapura, informou o jornal sul-coreano Chosun Ilbo.

Trump anunciou na sexta-feira que a data e o local do encontro estavam definidos e seriam anunciados em breve.

A reunião acontecerá em “meados de junho”, afirma a edição desta segunda-feira do Chosun Ilbo, que cita fontes diplomáticas que teriam recebido a informação do conselheiro americano de Segurança Nacional, John Bolton.

O jornal completa que a a possibilidade de que a reunião de cúpula seja organizada em Singapura “aumentou consideravelmente”.

A Casa Branca anunciou na sexta-feira que Trump receberá o presidente sul-coreano Moon Jae-in no dia 22 de maio em Washington.

A agência de notícias sul-coreana Yonhap também publicou no fim de semana que o local favorito para receber a reunião entre Kim e Trump é Cingapura.

Trump havia dado a entender que a Zona Desmilitarizada da Coreoa (DMZ), onde aconteceu no fim de abril a terceira reunião de cúpula intercoreana, poderia ser um local apropriado para o encontro com o dirigente norte-coreano.

Mongólia e Suíça são outros locais citados.

Após anos de tensões sobre os programas nuclear e balístico da Coreia do Norte, a península é desde o início do ano cenário de uma distensão entre as duas Coreias, que tecnicamente permanecem em guerra.