Sequestro de franceses não tem relação com conflito no Mali

O grupo Boko Haram é provavelmente o responsável pelo sequestro de sete franceses em Camarões

Paris – O grupo Boko Haram é provavelmente o responsável pelo sequestro de sete franceses em Camarões, que depois foram levados para a Nigéria, afirmou ministro francês da Defesa, Jean-Yves Le Drian, que descartou uma relação com o conflito no Mali.

Apesar de ter afastado uma relação com o Mali, o ministro reconheceu a semelhança de método.

“São grupos que reivindicam o mesmo fundamentalismo, que têm os mesmos métodos, estejam no Mali, na Somália ou na Nigéria”, disse.

Sete turistas franceses, incluindo quatro crianças, foram sequestrados na terça-feira no norte de Camarões e depois levados para a Nigéria.

Este foi o primeiro sequestro de franceses desde o início da ação militar, em 11 de janeiro, do país contra os grupos islamitas armados no Mali.