Senador democrata Michael Bennet anuncia sua pré-candidatura à Casa Branca

No total, 21 pré-candidatos vão disputar as primárias democratas para a eleição presidencial de 2020

O senador americano Michael Bennet, um democrata do Colorado, anunciou nesta quinta-feira (2) sua pré-candidatura à Casa Branca, poucas semanas depois de se recuperar de uma cirurgia por um câncer de próstata.

Com isso, chega a 21 o número de pré-candidaturas democratas para a eleição presidencial de 2020, o que deve representar uma dura luta dentro do partido.

“Não podemos ser a primeira geração a deixar menos para nossos filhos, em vez de mais. Por isso, me apresento para presidente”, tuitou Bennet.

“Vamos construir oportunidades para cada americano e restaurar a integridade do nosso governo”, acrescentou.

Bennet, de 54 anos, havia anunciado em março que estava pensando em anunciar sua pré-candidatura, mas seus planos ficaram em suspenso após o diagnóstico de câncer.

Ele se submeteu à cirurgia em meados de abril. Segundo seu porta-voz, em declaração ao site Politico, os médicos anunciaram que “(o procedimento) foi totalmente bem-sucedido e que não precisava de mais tratamento”.

Em entrevista à rede CBS nesta quinta, Bennet disse se sentir “muito afortunado, porque tive um diagnóstico, e cinco anos depois, após uma operação, fiquei limpo e com um bom prognóstico”.

“Isso me deu a oportunidade de pensar se realmente queria apresentar minha candidatura, ou não”, completou.

Seus discursos no Senado atraíram atenção nacional, especialmente um amplamente visto, no qual ridicularizava as “lágrimas de crocodilo” do senador republicano Ted Cruz no fechamento parcial do governo, em janeiro deste ano.

Bennet, que destaca sua reputação de bipartidarista em um estado com uma grande presença de eleitores independentes, tem um longo caminho a percorrer para alcançar outros pré-candidatos democratas mais conhecidos.

Na última sexta, por exemplo, entrou na disputa o ex-vice-presidente dos EUA Joe Biden. Desde então, o vice de Barack Obama lidera a pesquisa das primárias democratas, com 39%, seguido por Bernie Sanders, com 15%.

A senadora Elizabeth Warren, o jovem prefeito de Indiana Pete Buttigieg e o ex-congressista pelo Texas Beto O’Rourke estão atrás, com 8%, 7% e 6%, respectivamente.