Secretário de Defesa dos EUA visita Bagdá para debater o EI

Televisão iraquiana informou sobre a chegada de Hagel, onde anunciou que a coalizão internacional enviará cerca de 1.500 militares ao Iraque

Bagdá – O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Chuck Hagel, chegou nesta terça-feira a Bagdá em visita surpresa para discutir sobre a luta contra o grupo jihadista Estado Islâmico (EI).

A televisão oficial iraquiana “Al-Iraqiya” informou sobre a chegada de Hagel, que ontem estava no Kuwait, onde anunciou que a coalizão internacional enviará cerca de 1.500 militares ao Iraque.

Segundo o Twitter do Departamento de Defesa dos EUA, pouco após a chegada em Bagdá, Hagel se reuniu com as tropas americanas enviadas ao Iraque com funções de assessoria.

O secretário de Defesa agradeceu pela “contribuição na luta contra o EI” à tropas e também aos membros da coalizão internacional.

É previsto que o representante americano se reúna em Bagdá com o primeiro-ministro iraquiano, Haider al Abadi, e com o ministro da Defesa, Khaled al Obeidi.

Os EUA lideram desde setembro uma coalizão integrada por mais de 60 países para combater o EI, que em junho proclamou um califado nas regiões que domina no Iraque e na Síria.

A visita de Hagel ao Iraque ocorre poucos dias depois que o presidente americano, Barack Obama, nomeou Ashton Carter como seu sucessor no cargo de secretário de Defesa.

No sábado, Hagel também visitou por surpresa Cabul, onde foi recebido pelo comandante da missão da Otan no Afeganistão (Isaf), o general John F. Campbell.