Romney abandonará política se não for eleito

A revelação foi feita pela mulher do candidato republicano

Washington – Ann Romney, mulher do candidato republicano à presidência dos Estados Unidos, Mitt Romney, revelou nesta quinta-feira que seu marido abandonará a política se perder a eleição para o democrata Barack Obama.

Em entrevista ao programa The View, da rede ABC, Ann revelou que “absolutamente, ele (Romney) não voltaria a concorrer” se perdesse as eleições de 6 de novembro.

Ann Romney confessou que foi duro deixar o marido tentar a sorte uma segunda vez, após a derrota nas primárias republicanas de 2008.

“É um período difícil”, declarou Ann sobre a pressão da campanha eleitoral e da publicidade negativa que cada candidato deve enfrentar. “Não quero viver isto novamente, foi uma decisão muito dura para mim voltar a isto, mas sinto que meu marido pode oferecer algo especial para o povo americano”.

Ann Romney, que participa ativamente da campanha eleitoral há meses, revelou que não vê mais televisão, especialmente em Estados muito disputados como Ohio ou Virgínia, inundados por anúncios contra os candidatos.

A mulher de Romney aproveitou a entrevista para reafirmar sua posição contra o aborto: “a boa notícia é que não sou candidata à presidência e não preciso dizer o que sinto, mas estou a favor da vida e fico contente em dizer isto”.