Rio Danúbio congela da Croácia à Romênia

Frio no Leste Europeu impede a navegação em parte do segundo maior rio europeu

Viena – O Danúbio, o segundo rio mais longo da Europa, está coberto por uma camada de gelo de grande espessura que impossibilita a navegação da Croácia até a Romênia, onde fica sua foz, informaram as autoridades nesta quinta-feira.

O temporal que castiga os Bálcãs há duas semanas com temperaturas que chegaram a ultrapassar os 30 graus negativos paralisou parte do principal canal comercial da Europa, que com seus 2,86 mil quilômetros passa por dez países, da Alemanha até a Romênia.

Na Hungria, onde ainda não há problemas de navegação no Danúbio, está previsto que durante o fim de semana o rio congele em sua passagem por Budapeste, algo que não acontece há 25 anos.

Na Croácia, a navegação foi proibida ao longo dos 137 quilômetros do rio que percorrem seu território, pelo fato que está em grande parte congelado, e espera-se que nos próximos dias gele totalmente, segundo as autoridades do país.

Já na Sérvia as autoridades proibiram a navegação pelo Danúbio por conta das camadas de gelo que se formaram sobre o rio e a medida ficará em vigor até que as condições meteorológicas melhorem, o que deve ocorrer em dentro de pelo menos dez dias.

A navegação também está proibida na Bulgária e o trânsito de mercadorias está sendo desviado para a única ponte sobre o Danúbio que liga esse país com a Romênia.

As autoridades consideram que o rio ficará totalmente congelado em vários pontos, enquanto a quantidade de gelo flutuante na altura da cidade búlgara de Russe cobre 90% do leito.

Na Romênia a navegação continua fechada em várias áreas do curso do Danúbio, onde as baixas temperaturas bloquearam também o delta do rio, informou o Ministério de Transportes.