Vaza vídeo completo (e sem edição) de Romney

A publicação Mother Jones liberou imagens do candidato criticando Obama e comentando os conflitos no Oriente Médio

São Paulo – O candidato à presidência dos Estados Unidos Mitt Romney não pensou que precisaria medir palavras em um encontro com doadores do Partido Republicano. Buscando mais apoio nas eleições americanas, o rival do atual presidente Barack Obama não poupou palavras ao falar de temas como a atual política do democrata, os conflitos no Oriente Médio, a economia norte-americana e o programa nuclear do Irã.

Romney só não imaginou que poderia estar sendo gravado. Mas foi exatamente isso que aconteceu. A polêmica começou na segunda-feira, quando a organização sem fins lucrativos Mother Jones, que produz uma revista e mantém um site, publicou um trecho do vídeo. Nele, Romney afirmava que os 47% dos eleitores que provavelmente votarão em Obama dependem do governo e acreditam serem vítimas.

A história continuou hoje, com novos trechos sendo divulgados. Em um deles, Romney chegou a afirmar que os palestinos não têm o menor interesse em estabelecer a paz. Em outro trecho, ele dissertou sobre os riscos dos Estados Unidos serem chantageados em algum momento pelo Irã, pelos muçulmanos, por gente louca e por isso a única alternativa era impedir o Irã de ter armas nucleares.

A polêmica ganhou agora um novo capítulo. A revista vazou o vídeo indiscreto de Romney na íntegra, sem edição, apenas separado em duas partes. São quase 50 minutos gravados do discurso do candidato.

Confira os vídeos (em inglês):