Reino Unido prevê 5 anos para reconstruir economia

O vice-premiê, Nick Clegg, afirmou que início da recuperação se deu através dos cortes de gastos do governo

Londres – O vice-primeiro-ministro britânico, Nick Clegg, disse hoje em Londres que o Governo necessitará cinco anos para “solucionar” a situação econômica do Reino Unido.

O número dois do Executivo, que cobre estes dias a agenda política do primeiro-ministro, David Cameron – que está de férias, participou hoje de uma cerimônia pública no centro de Londres na qual respondeu a perguntas feitas pelo público.

Em seu discurso, o vice-líder indicou que o Governo conseguiu rebater os críticos com uma “sólida determinação”, às vésperas dos 100 dias de gestão do atual Executivo.

Segundo ele, aqueles que profetizaram uma coalizão “insípida” a acusam agora de ser “radical demais” e “reformadora demais”.

Com relação aos programas de corte de gastos públicos planejados pelo Governo de Cameron, o político ressaltou que justamente esses planos constituíam um claro indício de que haverá “luz no fim do túnel” na situação econômica que atravessa o país.

Clegg também disse que a aliança de conservadores e liberais durará “os cinco anos completos de mandato”.

“Acho que precisamos de cinco anos para solucionar as coisas, para tomar muitas decisões difíceis e para que possamos avançar e reconstruir a economia”, manifestou.

Leia mais notícias sobre o Reino Unido

Siga as notícias do site EXAME sobre Mundo no Twitter