Reino Unido e UE estão próximos de anunciar acordo do Brexit, diz Guardian

Fontes ouvidas pelo jornal revelaram que o acordo só foi possível depois de o Reino Unido ceder em um ponto fundamental: a fronteira da Irlanda do Norte

São Paulo – O Reino Unido e os negociadores da União Europeia estão próximos de finalizar o acordo do Brexit, informou na tarde desta terça-feira (15) o jornal britânico The Guardian. O documento final poderá ser publicado nesta quarta-feira (16), assim que o gabinete do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, der o “sinal verde”.

Veja também

De acordo com fontes ouvidas pela publicação, o entendimento entre o país e a UE acontece depois de o governo britânico ceder à pressão europeia em um ponto fundamental: a fronteira da Irlanda do Norte. O novo termo trará a previsão de uma alfândega no mar da Irlanda, que separa a ilha do Reino Unido, disposição que foi anteriormente rechaçada pela ex-primeira-ministra, Theresa May, cujo acordo foi rejeitado três vezes pelo Parlamento britânico.

Um acordo entre o governo de Boris Johnson e a União Europeia é o primeiro passo para evitar que o Brexit aconteça no dia 31 de outubro sem qualquer tipo de arranjo de transição, um cenário no qual os impactos econômicos, políticos e sociais são inestimáveis. Há, no entanto, outros dois: o documento precisa ser aprovado pelos 27 membros que permanecem no bloco e também pelo Parlamento britânico.