Recuperação de Kirchner é ‘espectacular’, diz governo

Segundo o vice-presidente Amado Boudou, Cristina Kirchner continua se recuperando bem após a cirurgia

Buenos Aires – A recuperação da presidente da Argentina, Cristina Kirchner, depois da operação de tireóide no dia 4 de janeiro “foi espetacular”, afirmou nesta quarta-feira o vice-presidente Amado Boudou, na presidência interinamente.

“A evolução foi espetacular. A mudança de diagnóstico nos dá tranquilidade e acredito que tranquiliza todos os argentinos”, disse Boudou sobre os exames anteriores à cirurgia que indicaram que ela sofria de câncer de tireóide, apesar da biópsia posterior mostrar que foi “um falso positivo”.

A presidente, de 58 anos, continua sua recuperação na residência oficial de Olivos (periferia norte de Buenos Aires), com licença prevista até dia 24 de janeiro, período em que Boudou fica à frente do governo interinamente.

Algumas versões não confirmadas oficialmente dizem que Kirchner completaria sua recuperação na província de Santa Cruz (sul), onde morreu no dia 27 de outubro seu marido e antecessor Néstor Kirchner (2003-2007).

A operação da presidente para retirada da glândula tireóide foi feita menos de um mês depois de ela ter assumido, no dia 10 de dezembro, seu segundo mandato, depois de ter obtido 54,11% dos votos nas eleições de outubro.