Rebelião deixa mais de 30 mortos em presídio no México

Polícia e ambulâncias se encontravam na prisão Topo Chico, de onde onde saía muita fumaça

Mais de 30 pessoas morreram nesta quina-feira em uma rebelião em um presídio de Monterrey, informou a imprensa local, um dia antes da visita do Papa Francisco ao México.

Polícia e ambulâncias se encontravam na prisão Topo Chico, de onde onde saía muita fumaça.

A cadeia Televisa informou sobre 30 mortos, enquanto que a Milênio TV fala de 50 mortos, entre presos e guardas.

Antonio Argüello, titular de Comunicação Social da Secretaria de Segurança Pública, disse à AFP que a rebelião aconteceu durante a madrugada e foi controlada menos de duas horas depois.

A imprensa local indicou que a rebelião aconteceu depois de uma tentativa de fuga.

O papa Francisco inicia nesta sexta-feira uma visita ao México, durante a qual irá a um presídio da Ciudad Juárez, fronteira com os Estados Unidos.