Rebeldes executam 20 soldados sírios em Alepo, diz ONG

Um vídeo divulgado pelo Observatório Sírio dos Direitos Humanos mostra 20 homens deitados em uma rua, com as cabeças ensanguentadas

Beirute – Rebeldes sírios executaram pelo menos 20 soldados em Aleppo no fim de semana passado, anunciou nesta segunda-feira o opositor Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

“Estes soldados foram capturados no quartel de Hanano na sexta-feira ou sábado pelos rebeldes e executados em outro local. Tinham as mãos atadas e os olhos vendados”, afirmou à AFP o presidente da ONG com sede na Grã-Bretanha.

Um vídeo divulgado pelo OSDH mostra 20 homens deitados em uma rua, com as cabeças ensanguentadas.

Ao lado dos corpos aparecem homens armados, com roupas civis ou de uniforme, que fazem o sinal da vitória.

Segundo um novo relatório da comissão de investigação da ONU divulgado em 15 de agosto, as forças governamentais sírias e suas milícias cometeram crimes de guerra e contra a Humanidade, enquanto a oposição armada cometeu crimes de guerra, mas em menor escala.