Quinze mortos em desabamento de edifício no Egito

Quinze pessoas morreram e outras 7 ficaram presas sob os escombros de edifício que desabou

Cairo – Quinze pessoas morreram e outras 7 ficaram presas nesta terça-feira sob os escombros de um edifício que desabou no Cairo devido a obras e à construção ilegal de dois andares, informaram os socorristas e o Ministério Público.

O imóvel de sete andares desabou de forma repentina durante a noite em Matariya, um bairro pobre do leste do Cairo.

“Quinze pessoas morreram, oito estão feridas e, segundo os familiares, 7 seguem presas sob os escombros”, declarou à AFP Gamal al-Galawa, adjunto do diretor de salvamento no Cairo.

Os socorristas tentavam ao meio-dia retirar os escombros da zona, uma tarefa difícil em uma rua tão estreita.

Os parentes dos desaparecidos e alguns vizinhos tentavam ajudá-los escavando com as mãos, constatou a AFP.

O drama “ocorreu devido às obras de renovação de um apartamento do segundo andar que afetaram a estrutura do edifício e à construção de dois andares sem autorização”, declarou à AFP Mohamed al-Bichlawy, procurador do distrito do leste do Cairo que abriu uma investigação.