‘Que Deus os perdoe pelo que fizeram’, disse papa a cardeais

Segundo porta-voz do Vaticano, o papa Francisco teria dito a frase aos cardeais que o elegeram

Cidade do Vaticano – “Que Deus os perdoe pelo que fizeram”, disse o papa Francisco durante um jantar na residência de Santa Marta aos cardeais que o elegeram, contou nesta quinta-feira o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi.

O porta-voz revelou ainda que após ser eleito, Francisco fez uma ligação para o papa emérito Bento XVI.

Lombardi disse que por enquanto não está previsto que o papa Francisco irá para Castel Gandolfo visitar pessoalmente seu antecessor.

“Isto será feito, mas não nestes dias”, explicou.