Quadro de Hélio Costa é estável e ex-ministro permanece em observação

Ele foi diagnosticado com um quadro de angina e submetido a um cateterismo. Pelo último boletim médico, o estado de saúde de Costa se mantém estável

Brasília – Sem previsão de alta médica, o ex-ministro das Comunicações e ex-senador por Minas Gerais, Hélio Costa, de 72 anos, permanece internado em Belo Horizonte, depois de sofrer um enfarto anteontem (4). Ele foi diagnosticado com um quadro de angina e submetido a um cateterismo. Pelo último boletim médico, o estado de saúde de Costa se mantém estável. O comunicado informa ainda que ele passa bem e permanecerá internado em observação, sem previsão de novos exames.

Mesmo hospitalizado, Costa postou uma mensagem no seu perfil na rede social Twitter, na qual agradeceu o apoio de amigos que ligaram para saber como ele estava. “O pior já passou”, resumiu ele em mensagem.

De acordo com o ex-ministro, em publicações ontem (5) no Twitter, as dores no peito que sentiu foram intensas e ele admitiu ter ficado assustado. Mas também disse estar feliz por ter sido atendido a tempo e estar bem de saúde.

Costa foi ministro das Comunicações por cinco anos durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em 2010 foi candidato ao governo de Minas Gerais e perdeu as eleições para o atual governador do estado, Antônio Anastasia.