Putin levanta dúvidas sobre relatório de doping da Wada

Segundo o presidente russo, o relatório da Agência Antidoping foi baseado no testemunho de um único homem

Moscou – O presidente russo, Vladimir Putin, afirmou nesta segunda-feira que o relatório da Agência Mundial Antidoping (Wada) sobre casos de doping envolvendo atletas russos foi baseado no testemunho de um único homem e acrescentou que o movimento olímpico pode estar prestes a rachar.

Em comunicado divulgado pelo Kremlin, Putin disse que não há lugar para o doping no esporte, já que representa uma ameaça a vidas e à saúde dos atletas e descredencia o fair play.

Putin afirmou ainda que autoridades russas citadas no relatório da Wada serão temporariamente suspensas, mas solicitou mais detalhes à comissão da agência e informação “objetiva”.