Produção de gás atingirá 5,5 mi de m³ por dia, diz OGX

Atualmente, a produção da empresa está em 4,5 milhões de metros cúbicos por dia, no campo de Gavião Real, e deverá crescer com a entrada de novos campos

Rio de Janeiro – A produção de gás natural na Bacia do Parnaíba da petroleira OGX, do Grupo EBX, do empresário Eike Batista, atingirá 5,5 milhões de metros cúbicos por dia até dezembro deste ano e chegará a 7,8 milhões de metros cúbicos diários entre março e julho de 2014, segundo o gerente executivo de reservatórios e reservas da OGX, Armando Ferreira.

Atualmente, a produção está em 4,5 milhões de metros cúbicos por dia, no campo de Gavião Real, e deverá crescer com a entrada de novos campos.

“Quanto mais a gente distribuir, melhor”, afirmou Ferreira a jornalistas nesta quarta-feira, após participar de entrevista coletiva, no Rio, para apresentar a programação da feira Brasil Offshore, que será realizada em junho, em Macaé.

A produção de 7,8 milhões de metros cúbicos equivale ao total contrato pela OGX com usinas de geração termelétricas, incluindo as da MPX, também do Grupo EBX. “A gente tem vazão para todo esse gás”, completou Ferreira.