Presos ligados à Al Qaeda fogem no Iraque

A prisão, na cidade de Tikrit, tinha pouco mais de 300 detentos e foi atacada na noite de quinta-feira por homens com fardas policiais

TIkrit – Dezenas de presos, inclusive membros condenados da Al Qaeda, fugiram de uma prisão iraquiana usando armas infiltradas durante visitas familiares, afirmou o Ministério do Interior nesta sexta-feira.

A prisão, na cidade de Tikrit, tinha pouco mais de 300 detentos e foi atacada na noite de quinta-feira por homens com fardas policiais, depois da explosão de um carro-bomba no lado de fora do portão. Em seguida, os presos assumiram o controle da penitenciária.

Dezesseis membros das forças de segurança foram mortos nos confrontos subsequentes, segundo o ministério.

Na manhã desta sexta-feira, o local já havia voltado ao controle das forças oficiais, mas o Ministério do Interior disse que 74 prisioneiros continuam foragidos, inclusive importantes membros da Al Qaeda que haviam sido sentenciados à morte.