Opep discute produção com Irã, Iraque e Venezuela

O presidente da Opep está confiante de que o Irã concordará em participar de uma ação coordenada para congelar a produção

Teerã – O ministro de Energia do Catar e atual presidente da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), Mohammed al-Sada, está se encaminhando hoje para Teerã para discutir mais tarde um plano para limitar a produção da commodity com ministros do Irã, Venezuela e Iraque, segundo fontes com conhecimento do assunto.

O presidente da Opep está confiante de que o Irã concordará em participar de uma ação coordenada da Opep e de produtores de fora do grupo para congelar a produção em níveis similares aos de janeiro, disseram as fontes.

Arábia Saudita e Rússia, os dois maiores exportadores de petróleo do mundo, além de Venezuela e Catar, anunciaram ontem um acordo, em Doha, para impedir o aumento da produção de petróleo, contanto que outros grandes produtores, como Iraque e Irã, façam o mesmo.

Ontem, porém, o Irã sinalizou que não está disposto a abrir mão de sua fatia no mercado de petróleo.