Presidente da Colômbia se diz preocupado com tensões na Venezuela

Juan Manuel Santos alertou para a violenta repressão por parte do governo de Nicolás Maduro contra manifestantes opositores

Bogotá – O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, mudou de tom em relação à Venezuela e disse que está “seriamente preocupado com a militarização venezuelana”, em meio à violenta repressão por parte do governo de Nicolás Maduro contra manifestantes opositores.

Santos pediu “sanidade” às autoridades venezuelanas e se uniu a outros países, como Brasil, Argentina e México, ao condenar a morte de sete pessoas em protestos recentes.

Essas mesmas manifestações fizeram com que mais de 500 pessoas fossem presas. Fonte: Dow Jones Newswires.