Premier francês defende urgência no controle de fronteiras

"É urgente adotar o PNR (projeto europeu para criar um registro de nomes de passageiros aéreos), é urgente reforçar o controle das fronteiras externas da UE"

O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, afirmou nesta quarta-feira que é “urgente” reforçar o controle das fronteiras externas da União Europeia (UE), um dia depois dos atentados de Bruxelas.

“É urgente adotar o PNR (projeto europeu para criar um registro de nomes de passageiros aéreos), é urgente reforçar o controle das fronteiras externas da União Europeia”, disse Valls.

“É urgente que ninguém consiga passar com documentos falsos, porque sabemos que o ‘Daesh’ roubou grandes quantidades de passaportes na Síria”, completou, em referência ao grupo Estado Islâmico, o premier em entrevista à rádio francesa Europe 1.