Prefeito de cidade texana diz que Harvey provocou devastação

O prefeito Charles Wax indicou que algumas casas, escolas e lojas foram "fortemente danificados ou, inclusive, completamente destruídos"

Austin (EUA) – O prefeito de Rockport, no Texas, primeira cidade dos Estados Unidos a ser atingida pelo furacão Harvey, afirmou neste sábado que o fenômeno climático provocou uma “devastação generalizada” na região, onde alguns edifícios foram completamente destruídos pela força dos ventos.

Em declarações ao “Weather Channell”, o prefeito Charles Wax indicou que algumas casas, escolas e lojas foram “fortemente danificados ou, inclusive, completamente destruídos”.

Furacão mais poderoso que atinge os EUA desde o Katrina, em 2005, Harvey chegou ontem a Rockport com ventos de 215 km/h e classificado como categoria 4 na escala de Saffir-Simpson, que vai até 5.

O prefeito de Rockport afirmou, além disso, que o serviço de emergência da cidade foi afetado por problemas de conexões telefônicas e outras formas de comunicação.

Segundo a imprensa local, pessoas que estavam presas em um centro de idosos de Rockport foram resgatadas na manhã deste sábado. O local teve o teto destruído durante a passagem do furacão.

As autoridades não revelaram quantas pessoas foram resgatadas, se elas eram moradoras do centro ou se tinham se escondido no local para aguardar a passagem do Harvey.

Os feridos foram levados a um hospital improvisado instalado em uma prisão local.

O furacão Harvey perdeu força hoje e caiu para categoria 1, se deslocando sobre o Texas com ventos de 120 km/h e provocando chuvas torrenciais, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC).

Em um boletim, o órgão indica o enfraquecimento do furacão e prevê que ele se transforme em tempestade tropical ainda hoje enquanto estiver passando pelo sudoeste do Texas.

Outra das cidades afetadas pelo Harvey foi Corpus Christi, que fica a 48 quilômetros de Rockport. As autoridades pediram que os moradores reduzam o consumo de água por causa dos cortes de energia registrados nas usinas de tratamento da região.

O prefeito de Corpus Christi, Joe McComb, disse à imprensa local que as interrupções do fornecimento de energia são “consideráveis”, mas que a quantidade de chuva provocada pela passagem do Harvey não está sendo tão alta como se esperava.

No entanto, McComb informou que os fortes ventos deixaram ontem uma “tremenda quantidade” de danos materiais.

Mais de 300 mil pessoas no Texas ficaram sem eletricidade na noite de ontem por causa do furacão, anunciou neste sábado o Conselho de Confiabilidade Elétrica do Texas (Ercot).

O governador do Texas, Greg Abbott, concederá ainda hoje uma entrevista coletiva para informar os primeiros dados oficiais sobre os danos causados e as vítimas do furacão Harvey.