Portugal investiga brasileira pela morte de seus 2 filhos

Investigadores analisam agora o possível envolvimento da mãe no fato, ocorrido na cidade de Alenquer, a oeste de Lisboa

Lisboa – As forças de segurança portuguesas averiguam a morte de duas crianças após um incêndio declarado em sua casa, um fato no qual a principal suspeita é a mãe dos menores, de nacionalidade brasileira.

Assim informaram nesta quinta-feira à Agência Efe fontes oficiais, que apontaram que os investigadores analisam agora o possível envolvimento da mãe no fato, ocorrido na cidade de Alenquer, a oeste de Lisboa.

A suspeita, da qual não se revelou a identidade nem a idade, fugiu e está em paradeiro desconhecido.

De acordo com os primeiros indícios, duas crianças, de um e três anos de idade, morreram na noite passada no município supostamente assassinados pela própria mãe, que poderia ter provocado o incêndio.

Os menores morreram por parada cardíaca devido à inalação de fumaça, segundo confirmaram os bombeiros locais à imprensa.

Em declarações a televisões locais, moradores de Alenquer comentaram que a mãe mal saía de casa e que seu marido é da região.