Por crise na Ucrânia, Trump cancela reunião com Vladimir Putin no G20

Presidentes se encontrariam em Buenos Aires, Argentina, durante cúpula do G20

São Paulo – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, cancelou a reunião que teria com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, em Buenos Aires por ocasião da cúpula do G20, o encontro que reúne as maiores economias do mundo e que acontece a partir de amanhã, 30 de novembro, na Argentina.

De acordo com Trump, em manifestação em seu Twitter oficial, o cancelamento do encontro com Putin se dá em razão da escalada da tensão entre a Rússia e a Ucrânia no início desta semana.

Relembre o caso

Um incidente entre a Guarda Costeira russa e navios ucranianos aconteceu no domingo passado no Mar Negro, quando as embarcações tentavam entrar no estreito de Kerch para chegar ao Mar de Azov, rota marítima crucial para as exportações de cereais ou aço produzidos no leste da Ucrânia.

Subordinada aos serviços de segurança russos (a FSB), a Guarda deteve à força dois navios patrulheiros e um rebocador ucranianos, acusando-os de entrar ilegalmente nas águas territoriais russas. Cerca de 20 marinheiros ucranianos foram capturados a bordo e alguns estão presos.

A Rússia classificou o incidente como “provocação”, enquanto a Ucrânia denunciou um “ato de agressão” de Moscou, exigindo a libertação de seus marinheiros e o retorno de seus navios.

O presidente russo Vladimir Putin defendeu as forças de seu país e afirmou que a Guarda Costeira apenas cumpriu com seu dever. Desde a anexação da Crimeia, em 2014, a Rússia reivindica o controle desse estreito.