Pompeo faz reunião com membros de vários países sobre liberdade religiosa

A reunião entre os secretários de Estado de vários países nos Estados Unidos, irá abordar a situação dos rohingyas em Mianmar

O secretário americano de Estado, Mike Pompeo, anunciou nesta terça-feira (29) que se reunirá em 25 e 26 de julho em Washington com seus homólogos de vários países para defender a liberdade religiosa no mundo.

Será a primeira reunião ministerial desse tipo, declarou ao apresentar o relatório do Departamento de Estado sobre a situação da religião em 2017.

O encontro reunirá os ministros das Relações Exteriores de “governos da mesma sensibilidade”, afirmou Pompeo, sem dar mais detalhes sobre os convidados, entre os quais estarão representantes de organizações internacionais, religiosas e da sociedade civil.

Como a cada ano, o relatório apresentado nesta terça-feira, que aborda as limitações à liberdade de culto e crenças no mundo, mostra um panorama sério.

Este ano, o Departamento de Estado enfatiza a situação dos rohingyas, uma minoria muçulmana em Mianmar cujos membros foram empurrados maciçamente ao exílio pelo Exército birmanês. Os Estados Unidos denunciaram em novembro uma “limpeza étnica”.