Polícia de Hong Kong detém 209 manifestantes em desocupação

Nesta quinta-feira, a polícia também prendeu outros quatro ativistas pertencentes a grupos políticos radicais em suas casas

Hong Kong – A polícia de Hong Kong deteve nesta quinta-feira 209 manifestantes que se recusaram a sair de um acampamento de protesto nas proximidades do bairro financeiro da cidade, num esforço final para retomar as vias ocupadas pelos ativistas há dois meses e meio.

Centenas de policiais usaram alicates e motosserras para desmantelar as barricadas e remover faixas de protesto do acampamento, uma operação que levou o dia inteiro.

Apesar das prisões, a ação foi pacífica e não houve confronto, como em desocupações anteriores.

Nesta quinta-feira, a polícia também prendeu outros quatro ativistas pertencentes a grupos políticos radicais em suas casas.

Eles são acusados de incitar a participação em assembleias não autorizadas.