Polícia bulgara não encontra explosivos em avião polonês

A polícia retirou os passageiros e revistou o interior da aeronave e as bagagens, mas não encontrou nada suspeito

Sófia – A polícia da Bulgária não encontrou rastro algum de explosivos a bordo do avião polonês que aterrissou nesta quinta-feira de emergência na cidade de Burgas, e confirmou que os 161 passageiros que viajavam ao Egito estão bem.

O avião, que saiu de Varsóvia e se dirigia ao balneário egípcio de Hurghada aterrissou às 3h30 (1h30 em Brasília) após um passageiro alertar para a possível existência de uma bomba a bordo.

A polícia retirou os passageiros e revistou o interior da aeronave e as bagagens, mas não encontrou nada suspeito, confirmou à Agência Efe um porta-voz do Ministério de Interior búlgaro.

“Identificamos que o autor do aviso da ameaça, um cidadão polonês de 67 anos, bebeu álcool. Este indivíduo está detido e será interrogado”, acrescentou.

Os passageiros estão agora no terminal do aeroporto e após finalizarem os procedimentos de segurança poderão seguir viagem, o mais rápido possível, segundo o Interior.

O prefeito de Burgas, Dimitar Nikolov, afirmou que a situação no aeroporto é de normalidade e tranquilidade, segundo a agência de notícias “Focus”.