Petição por novo referendo sobre o Brexit reúne 1 milhão de assinaturas

O partido conservador da primeira-ministra britânica Theresa May não considera fazer um segundo referendo sobre o Brexit

Uma petição com “mais de 1 milhão de assinaturas” em favor de um segundo referendo sobre o Brexit, que também foi subscrita por integrantes de todas as correntes políticas, foi entregue nesta segunda-feira (3) em Downing Street.

“Queremos ter certeza de que os britânicos poderão expressar sua opinião sobre algo que afeta todos nós”, disse a deputada Justine Greening à AFP.

O partido conservador da primeira-ministra britânica Theresa May exclui a opção de um segundo referendo. May defende radicalmente o acordo de divórcio negociado com a União Europeia por vários meses.

Este acordo será submetido ao Parlamento em 11 de dezembro, mas o texto enfrenta a hostilidade dos ‘brexiters’, que temem ficar unidos por tempo indeterminado com a UE, e dos eurófilos, que não querem deixar o grupo europeu.

Neste contexto complicado, a ideia de um segundo referendo está avançando e reuniu 700.000 manifestantes em Londres em outubro.

Uma pesquisa publicada nesta semana pelo Daily Mail indica que 48% dos britânicos estão pedindo um novo referendo, enquanto 34% não querem isso.

No entanto, May rejeita categoricamente a realização de um novo referendo que considera uma “traição” à decisão de 52% dos eleitores favoráveis ​​ao Brexit no referendo de junho de 2016.