Perder controle de Ramadi é revés para Iraque, dizem EUA

Segundo militar dos EUA, as conquistas do Estado Islâmico na cidade iraquiana são um revés para as forças de segurança do país árabe

Washington – As conquistas do Estado Islâmico na cidade iraquiana de Ramadi representam um revés para as forças de segurança iraquianas, disse o chefe do Estado-Maior dos Estados Unidos, general Martin Dempsey, acrescentando que isso é “lamentável, mas não incomum em guerras”.

“Muito esforço agora será necessário para recuperar a cidade”, disse o general em comunicado.

“Nós seguiremos apoiando as forças de segurança do Iraque com ataques aéreos, treinamento e equipamento dos Estados Unidos. Seguirão desafiando o governo do Iraque a redução das tensões sectárias e a preparação para a reconstrução.”