Pence afirma que abrir opções na Coreia trouxe cooperação

Em declarações após reunir-se com venezuelanos na Colômbia, Pence declarou que a Coreia do Norte foi isolada diplomática e economicamente

Bogotá – O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, afirmou nesta segunda-feira em Cartagena, na Colômbia, que pôr sobre a mesa todas as opções no caso da Coreia do Norte, inclusive a via da ação militar, fez com que o seu país conseguisse uma cooperação “sem precedentes” dos seus aliados na região, bem como da China.

Em declarações a jornalistas após reunir-se com venezuelanos que tiveram que abandonar seu país devido à atual crise, Pence declarou que a Coreia do Norte foi isolada diplomática e economicamente.

“Estamos pondo todos os recursos dos Estados Unidos e as energias do seu presidente (Donald Trump) em um esforço para resolver a presente situação com a Coreia do Norte de uma maneira pacífica”, destacou o vice-presidente.

Além disso, comentou que “durante muitas décadas” os EUA optaram por algumas “fracassadas políticas de paciência estratégica” a respeito da Coreia do Norte.

Segundo Pence, vários governos de ambos partidos “acreditaram que com a negociação e a paciência” conseguiriam que houvesse uma “desnuclearização da península da Coreia”.

Veja também