Pelo menos 26 partidários do regime sírio são mortos

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos, a emboscada ocorreu na região de Aleppo, norte da Síria

Beirute – Pelo menos 26 partidários do regime sírio morreram nesta sexta-feira em uma emboscada na região de Aleppo, norte da Síria, informou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

“A emboscada foi executada contra um comboio de automóveis que transportavam estas pessoas na província de Aleppo”, afirma um comunicado do OSDH, que cita a possibilidade de que seriam “shabbihas” (milícias favoráveis ao regime).

A televisão oficial síria informou que “grupos terroristas armados cometeram um massacre bárbaro no qual morreram 25 cidadãos”. De acordo com a emissora, as vítimas foram “mortas a tiros” e tiveram os corpos “mutilados”.

Segundo o canal, outras pessoas foram sequestradas “e seu destino ainda é desconhecido”.

Um vídeo divulgado pelo OSDH mostra vários corpos ensanguentados em uma estrada, ao lado de um veículo civil, e pelo menos dois corpos tinham calças de combate.

“Aqui estão os ‘shabbihas’ do regime de (o presidente Bashar) al-Assad”, afirma a pessoa que filmou a cena.