Parlamento venezuelano declara “crise humanitária de saúde”

A Assembleia Nacional da Venezuela declarou "uma crise humanitária de saúde" no país, causada pela escassez de remédios e equipamentos

Caracas – A Assembleia Nacional (AN, Parlamento unicameral) da Venezuela declarou nesta terça-feira “uma crise humanitária de saúde” no país, causada pela escassez de remédios, de equipamentos médicos e pela deterioração das instituições públicas de sáude.

Com o voto da maioria opositora, a câmara declarou a crise “em vista da grave escassez de remédios, insumos (materiais) médicos e deterioração da infraestrutura humanitária”, segundo um acordo aprovado nesta terça-feira durante a sessão ordinária da AN.