Parlamento alemão aprova missão militar na Síria contra EI

Dos 598 deputados presentes, 445 votaram a favor, 146 contra e 7 se abstiveram, um resultado sem surpresas

A câmara baixa do parlamento alemão autorizou nesta sexta-feira a participação de cerca de 1.200 militares nas operações internacionais contra os jihadistas do Estado Islâmico (EI) na Síria e no Iraque.

Dos 598 deputados presentes, 445 votaram a favor, 146 contra e 7 se abstiveram, um resultado sem surpresas, já que a coalizão da chanceler Angela Merkel apoiava a participação militar da Alemanha.