O desafio de US$ 1 milhão para o Papa Francisco: ser vegano na Quaresma

Lançada por ativista de 12 anos, campanha vai doar um milhão de dólares à caridade se pontífice adotar dieta livre de produtos de origem animal por 40 dias

São Paulo – O Papa Francisco foi desafiado a adotar uma dieta vegana durante a Quaresma, período do ano litúrgico que antecede a Páscoa cristã. Se o pontífice aceitar o desafio de manter por 40 dias uma alimentação 100% livre de produtos de origem animal, o grupo ambiental norte-americano Million Dollar Vegan doará US$ 1 milhão para uma instituição de caridade.  

Surpreendentemente, no comando da organização ativista está uma criança de 12 anos de idade que ficou conhecida por se tornar vegana aos 6 anos e por ser a palestrante mais jovem a apresentar um TED Talk, em 2017. Desde então, a pequena Genesis Butler tem sido incansável na promoção da ideia de que é possível combater as mudanças climáticas com mudanças na dieta.

Em sua carta aberta ao Papa Francisco, Butler descreveu a relação da pecuária com o desmatamento, emissões de gases de efeito estufa, extinção de espécies e poluição da água, além de ser “cruel” com os bilhões de animais confinados para abate. Ela pede ação:

“Sua Santidade, devemos agir. Ir em direção a uma dieta baseada em vegetais trará benefícios ambientais substanciais. Ela protegerá nossas terras, árvores, oceanos e ar, e ajudará a alimentar os mais vulneráveis ​​do mundo. Também pode beneficiar a saúde humana, já que a dieta à base de vegetais comprovadamente reduz o risco de muitas doenças crônicas comuns, como problemas cardíacos, obesidade, diabetes tipo 2 e alguns tipos de câncer. “

Genesis Butler: ativista de 12 anos.

Genesis Butler: ativista de 12 anos. (Million Dollar Vegan/Reprodução)

A campanha conta ainda com uma petição pública para pressionar o pontífice, que é apoiada por celebridades como Paul McCartney, o cantor Moby, as atrizes Brigitte Bardot e Mena Suvari, o ator Joaquin Phoenix e o apresentador de TV Chris Packham. 

Por que o Papa? 

Com influência espiritual e moral sobre 1,2 bilhão de católicos em todo o mundo, o Papa Francisco tem repetidamente se posicionado sobre questões ambientais urgentes desde que assumiu o cargo, publicando em 2015 uma carta encíclica que instava as pessoas a fazerem mudanças no seu “estilo de vida, produção e consumo” e se alinharem à defesa do meio ambiente.

No mesmo ano, Francisco declarou à ONU que “a crise ecológica e a destruição da biodiversidade em larga escala podem ameaçar a própria existência da espécie humana”. Então, para os ativistas, tornar-se vegano seria uma extensão lógica da postura que ele tem adotado.

O Papa ainda não respondeu ao desafio milionário. Os recursos para a doação foram angariados junto à Blue Horizon International Foundation, braço beneficente da Blue Horizon Corporation, que investe em alimentos à base de proteína vegetal.

Alem de desafiar o Papa, a Million Dollar Vegan está encorajando pessoas de todas as origens a experimentarem o veganismo durante a Quaresma e criou um Kit de Iniciação ao Veganismo, escrito em várias línguas e com conteúdo adaptado a cada país, que está disponível no site da campanha.